Extensa é a obra... e nós estamos longe uns dos outros

Não foi apenas Neemias que viu a extensão da Obra que havia para fazer. Jesus, olhando para o mundo perdido e para a necessidade de lhe levar a mensagem de vida eterna, também disse: - “Grande é a seara, mas os obreiros são poucos”. A Obra de Deus, a fazer, é imensa pelo que temos de orar ao Senhor da seara que mande obreiros credenciados para ela.

No caso presente, Neemias 4:19, acontecia que os edificadores dos muros trabalhavam longe uns dos outros, em virtude da extensão das muralhas de Jerusalém, e os inimigos podiam atacar de surpresa. Era preciso haver uma forma de se avisarem uns aos outros para que a obra feita fosse salvaguardada e eles entrassem em cooperação defensiva. Ajuntar-se-iam onde acontecesse o ataque e cooperariam na luta contra o invasor.

Em nossos dias as táticas do inimigo não variam muito, mas os trabalhadores na Obra do Senhor nem sempre estão em sintonia para defenderem a causa do Senhor. Intrometem-se interesses pessoais, discordâncias que nunca deviam existir, pecado escondido, dando assim lugar ao diabo para vencer, quando devia ser sempre derrotado. É preciso deixar para trás as coisas pessoais e ter em conta os valores espirituais. É preciso pensar nas almas que deixam de ouvir da salvação que há em Cristo Jesus por causa das nossas diferenças pessoais. Os crentes só devem ter em conta o valor das coisas que são de cima. Juntemo-nos e cooperemos na defesa da pureza da Palavra que pregamos - Cristo morto, sepultado, ressuscitado pelos nossos pecados. Cristo vivo e cabeça da Sua Igreja. Cristo que foi para o céu, mas que há de vir brevemente para levar a Sua Igreja e noiva para junto de Si. Os nossos pontos de vista pouco valem. O que vale é que Cristo seja pregado, a tempo e fora de tempo, como o caminho, a verdade e a vida.

Onde ouvirmos o soar da trombeta, aí nos juntemos todos, como um só coração, uma só alma e uma só mensagem - Jesus Cristo é Senhor e fora d’Ele não há outro que possa salvar.

A Obra é extensa. Nós, os escolhidos, somos poucos, mas juntemo-nos para defender a pureza da noiva de Cristo - a Sua Igreja.


PUBLICADA EM: 10/06/2014 08:58:42 | VOLTAR PARA Reflexão | OUTRAS PUBLICAÇÕES
FONTE: Luz Diária


Profissionais da igreja
Tudo o que você precisa:

Nossos contatos
Vamos conversar?

  • 31 - 3245-9009
  • 31 -
  • secretaria@imcbh.com.br
  • secretaria@imcbh.com.br
  • Fale conosco

Redes sociais
Curta nossas redes

Liderança e equipe
Conheça nossa equipe