SABER COMUNICAR-SE

SABER COMUNICAR-SE

SABER COMUNICAR-SE

Certa feita o rei sonhou que havia perdido todos os dentes. Após despertar, mandou chamar um profeta para interpretar o sonho.

- Que desgraça, senhor! Exclamou o profeta. Cada dente caído representa a perda de um parente de vossa majestade.

- Mas que insolente - gritou o rei, enfurecido. Como te atreves a dizer-me semelhante coisa? Fora daqui!

Chamou os guardas e ordenou que lhe dessem cem açoites. Mandou que trouxessem outro profeta. Este, após ouvir o rei com atenção, disse-lhe: - Senhor! Grande felicidade vos está reservada. O sonho significa que haveis de sobreviver a todos os vossos parentes.

A fisionomia do sultão iluminou-se num sorriso, e ele mandou dar cem moedas de ouro ao segundo profeta. E quando este saía do palácio, um dos cortesãos lhe disse admirado:

- Não é possível! A interpretação que você fez foi a mesma que o seu colega havia feito. Não entendo porque ao primeiro ele pagou com cem açoites e a você com cem moedas de ouro?

- Lembra-te meu amigo - respondeu o profeta - que tudo depende da maneira de dizer.


Um dos grandes desafios da humanidade é aprender a comunicar-se. Da comunicação depende, muitas vezes, a felicidade ou a desgraça, a paz ou a guerra. O princípio mais importante no campo das relações interpessoais é: Primeiro compreender, depois ser compreendido. A essência da escuta empática não está em concordar com alguém, mas sim em compreender a pessoa o mais profundamente possível, tanto no plano emocional quanto no intelectual. Para isso, deve-se escutar com os ouvidos, mas também, e mais importante, ouvir com os olhos e o coração.

Que a verdade deve ser dita sempre, não resta dúvida. Mas a forma com que ela é comunicada tem provocado, em alguns casos, grandes problemas. A verdade pode ser comparada a uma pedra preciosa. Se a lançarmos no rosto de alguém pode ferir, provocando dor e revolta. Mas se a envolvemos em delicada embalagem e a oferecemos com ternura, certamente será aceita com facilidade. A embalagem, nesse caso, é a indulgência, o carinho, a compreensão e, acima de tudo, o amor na vontade sincera de ajudar a pessoa a quem nos dirigimos. Provérbios 25:11 diz: Como maças de ouro em salvas de prata assim é a palavra dita a seu tempo.

Ademais, será sábio de nossa parte se antes de dizer aos outros o que julgamos ser a verdade, dizê-la a nós mesmos diante do espelho. E, conforme seja a nossa reação, podemos seguir em frente ou deixar de lado o nosso intento. O que fará diferença é a maneira de dizer as coisas.

A Bíblia nos ensina muito sobre comunicação. Meditar e memorizar estes versículos nos ajudam a melhor a comunicação:

Pv 10:12 O ódio excita contendas mas o AMOR cobre todas as transgressões.

Ef 4:26-27  Irai-vos e não pequeis: Não se ponha o sol sobre a vossa ira, e não deis lugar ao diabo.

Ec 7:9 Não te apresses no teu espírito a irar-te, pois a ira abriga-se no seio dos tolos.

Tt 2:8 Linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se envergonhe, não tendo nenhum mal que dizer de nós.

Ec 10:12 Nas palavras da boca do sábio há favor, mas os lábios do tolo o devoram.

Pv 13:3 O que guarda a sua boca preserva a alma, mas o que muito abre os seus lábios tem perturbação.

Pv 21:23 O que guarda a sua boca e a sua língua, guarda das angústias a sua alma

1 Pe 3:10 Pois quem quiser desfrutar a vida, e ter dias felizes, refreie a sua língua do mal, e os seus lábios não falem engano.

Cl 4:6  A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal, para que saibais como deveis responder a cada um.

Pv 16:24 Favo de mel são as palavras agradáveis, doçura para a alma e saúde para os ossos.

Ef 4:29 Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, conforme a necessidade, para que beneficie aos que a ouvem.

1 Pe 3:10 Pois quem quiser desfrutar a vida, e ter dias felizes, refreie a sua língua do mal, e os seus lábios não falem engano.




PUBLICADA EM: 27/09/2019 17:32:46 | VOLTAR PARA Artigos e textos | OUTRAS PUBLICAÇÕES
FONTE: Pr Juliano Cunha


Profissionais da igreja
Tudo o que você precisa:

Nossos contatos
Vamos conversar?

  • 31 - 3245-9009
  • 31 -
  • secretaria@imcbh.com.br
  • juliano.urias@gmail.com
  • Fale conosco

Redes sociais
Curta nossas redes

Liderança e equipe
Conheça nossa equipe