Ao Meu Deus

Não estou tentando defini-Lo Senhor,
Seria tão inacessível como tocar as estrelas,
Juntá-las e trazê-las na palma de minha mão.

Mas, sinto-O em minha alma tão profundo,
Que toda a amabilidade que há no mundo
Nada valerá, se não puder adorá-Lo a cada segundo.

Presente de minha vida de todos os momentos,
Felizmente, é onisciente meu bom Companheiro.
Sabe como meu coração almeja, peleja e fraqueja,
Para Lhe revelar seus humanos sentimentos.

Há de se ter palavras para que, um dia, eu Lhe fale de meu amor!

Como, nesta vida, estou certa que não há mesmo jeito,
Permita-me, então, aconchegada ao Seu peito,
Adormecer a cada dia, criança feliz e saciada,
Emocionada com o pulsar de Seu amado coração.


PUBLICADA EM: 17/08/2017 13:27:44 | VOLTAR PARA Reflexão | OUTRAS PUBLICAÇÕES
FONTE: Maria Lúcia Mansur, membro e anfitriã de Célula da IMC


Profissionais da igreja
Tudo o que você precisa:

Nossos contatos
Vamos conversar?

  • 31 - 3245-9009
  • 31 -
  • secretaria@imcbh.com.br
  • secretaria@imcbh.com.br
  • Fale conosco

Redes sociais
Curta nossas redes

Liderança e equipe
Conheça nossa equipe